A minha vida na Austrália

Nem da para acreditar o que aconteceu em minha vida desde que decidi viajar para Austrália, mais especificamente Perth.

Foi um ano planejando, trabalhando extra em busca de um sonho e ao mesmo tempo em busca do desconhecido. A sensaçao é uma mistura de felicidade, alegria, medo, curiosidade, insegurança algo mágico que senti desde que abracei minha família e embarquei.

Já se passaram mais de 3 anos e sinto como se fosse ontem, mas ao mesmo tempo tantas coisas aconteceram, tantas historias para contar que as vezes parece que faz bem mais tempo que estamos aqui.

A vinda para Austrália ou de forma geral a vida fora do país é um sonho que muitas pessoas tem, mas é difícil explicar tudo que esse sonho envolve, são tantas conquistas, desafios, sonhos, medos, paradigmas e somente o tempo consegue te mostrar que não há dificuldade grande o suficiente que não possa ser vencida.

Viver longe daqueles que amamos, da nossa rotina, dos nossos costumes é uma grande conquista pessoal, ainda mais quando viajamos sem o conhecimento da língua.

Hoje tenho orgulho de dizer que superei todos os meus medos, todos os desafios, conquistamos muito mais do que sonhávamos um dia poder.

Meu marido e eu trabalhamos em diversos lugares, fazendo diversas coisas que nunca havíamos feito antes, trabalhamos em lavanderia industrial, no subway, meu marido fez faxina em açougue, fui garçonete, trabalhei em loja, enfim aproveitamos cada oportunidade que tivemos e step a step fomos crescendo, dominando o Inglês, estudando e hoje temos uma boa estabilidade.

Com muito esforço e perseverança meu marido conseguiu trabalhar com web design aqui e eu hoje trabalho ajudando aqueles que estão passando pelas mesmas dificuldades que eu encontrei a 3 anos atrás. Acho que essa foi a forma que encontrei de poder dividir o que eu aprendi e o que eu passei com outras pessoas, só quem esta aqui para entender cada dificuldade, barreira e também as realizações, as conquitas, os sonhos, as viagens, a alegria de viver em um país tão lindo, que oferece um salário digno independente de sua profissão, com uma cultura rica e influenciada por diversos países.

Foi com 22 anos que fiz minha primeira viagem de avião, foi a primeira vez que me separei da minha família, que provei para mim mesma que eu era capaz e hoje cada coisa valeu a pena, cada pessoa que passou pela minha vida fez a diferença e agora é trabalhar, viver e curtir com novos sonhos, objetivos e desafios, porque na verdade é isso que faz a nossa vida ter graça!

Bruna Pansani

Mail