Como conseguir uma bolsa de estudos na Nova Zelândia?

bolsa de estudos na Nova Zelândia

Você já pensou em dar continuidade à sua formação profissional por meio de uma bolsa de estudos na Nova Zelândia? Com um ensino de excelência, o país oferece oportunidades para quem procura cursos de especialização, mestrado e doutorado.

O governo neozelandês tem se esforçado para reduzir a pobreza e contribuir para a maior segurança, prosperidade e igualdade social no mundo. Assim, uma das formas de alcançar esse objetivo é fomentar a ciência, por meio de seu programa de bolsas de estudo para alunos estrangeiros de países em desenvolvimento do Pacífico e de alguns países da América Latina, Ásia, Caribe e África. Buscando estudiosos que estão motivados a fazer a diferença em casa e interessados em promover relações com a Nova Zelândia agora e no futuro.

Portanto, se você gosta da vida acadêmica e tem interesse nessa oportunidade, continue a leitura deste artigo. Aqui vamos apresentar como e o que fazer para conseguir uma bolsa de estudos na Nova Zelândia e ter sua vida profissional transformada por uma oportunidade única de formação. Confira já!

Por que estudar na Nova Zelândia?

A Nova Zelândia apresenta um excelente sistema de ensino, e suas universidades estão entre 450 das melhores do mundo. Por isso, o país procura estudantes com nível de excelência para ingressar em seus programas de pós-graduação, que podem ter duração de 6 meses a 4 anos.

Diferentemente do Brasil, em que o ensino tradicional e expositivo ainda predomina, o ensino na terra dos Kiwis é focado na prática. Portanto, é comum que as aulas expositivas sejam mais curtas e menos teóricas — quando comparadas às brasileiras — e que um estudante em tempo integral esteja bastante ocupado com atividades como estágios, trabalhos, análise de estudos de caso, entre outras atividades mais voltadas para a prática da profissão.

Na Nova Zelândia, o ensino incentiva o pensamento crítico, a promoção de ideias inovadoras e desafiadoras, com a aplicação prática do que se está aprendendo. Além disso, há a celebração da diversidade e da multiplicidade nos centros politécnicos e nas universidades, o que estimula o pensamento multicultural.

Assim, é possível ter uma formação mais completa e integrada ao mercado de trabalho do que o academicismo comum a algumas pós-graduações vistas por aqui. Com isso, suas chances no mercado crescerão muito em seu retorno ao Brasil — até porque essa é uma das exigências para a concessão da bolsa, retornar ao país de origem por, pelo menos, 2 anos —, afinal você será um profissional diferenciado e altamente capacitado.

Como conseguir uma bolsa de estudos na Nova Zelândia?

Um importante critério para ser elegível a uma bolsa de estudos é comprovar a proficiência na língua inglesa, afinal seu curso será ministrado nesse idioma. Para isso, certificados de exames como IELTS ou TOEFL são necessários.

Além disso, é importante ter sido aceito pela universidade na qual se pretende cursar a pós-graduação, e esse processo inclui o envio de currículo, cartas de recomendação e duas redações. É importante, ainda, que a universidade desejada faça parte do programa de concessão de bolsas.

Mais um detalhe a ser observado é a idade do candidato à bolsa de estudos na Nova Zelândia. Isso porque o governo define que essas serão concedidas preferencialmente, mas não exclusivamente, a quem tem até 39 anos. Deve-se ter também um ano, ao menos, de experiência profissional e, após a conclusão do curso, o pós-graduado deve retornar ao Brasil, como já mencionado, por, pelo menos, 2 anos.

Algumas áreas de ensino são contempladas pelas bolsas, contudo, há programas para contextos específicos em algumas universidades. Por isso, é importante estar atento àquelas em que sua área de interesse é mais ofertada. Por exemplo, para o início de 2018 havia disponíveis bolsas de mestrado e doutorado para Artes, Humanidades e Ciências Sociais em uma das universidades em que esses cursos são bem-conceituados; portanto, invista em pesquisar para encontrar a melhor opção para o seu curso.

Quais são os benefícios da bolsa de estudos?

Se você está achando que os benefícios apresentados de se ter uma bolsa de estudos na Nova Zelândia são bons demais para serem verdade, espere que pode ficar ainda melhor! Essas bolsas subsidiadas pelo governo neozelandês oferecem uma contribuição de NZ$ 480 semanais para ajudá-lo em suas despesas, além das passagens de ida e volta e de uma contribuição para acomodação de NZ$ 3.000.

Isso sem contar os custos do curso, como as taxas de matrícula e as anuidades, assim como assistência para o desenvolvimento da pesquisa de pós-graduação. Outro benefício importante é o fato de poder levar a família para acompanhá-lo durante os estudos. A bolsa não cobre os custos como aplicação de visto e outros custos relacionados a dependentes — eles não serão subsidiados pelo governo, mas terão o visto neozelandês, o que é uma excelente vantagem.

Como se candidatar?

Se você, ao ler este artigo, decidiu que conseguir uma bolsa de estudos na Nova Zelândia é seu novo projeto de vida, mãos à obra — você vai conseguir transformá-lo em realidade, é uma questão de pouco tempo.

Comece já a se informar junto ao governo neozelandês sobre o programa em si e sobre as datas para a próxima aplicação. Assim, você pode já iniciar a sua organização para a realização do seu projeto. Afinal, serão alguns documentos a serem providenciados.

Como já mencionamos, é importante que se dedique à comprovação do nível de proficiência da língua inglesa, portanto é hora de providenciar o IELTS ou o TOEFL. Se julgar que precisa dar um up no idioma, o momento é esse! Programação e estudo vão garantir que você consiga o certificado necessário para conseguir a bolsa de estudos na Nova Zelândia.

Busque também contato com seus professores da universidade. Lembre-se de que você precisa de cartas de recomendação em que constem informações sobre sua vocação para a pesquisa e sua capacidade de integrar teoria e prática. Caso seja necessário, vale a pena até investir naquele curso extra, participar de alguns eventos científicos ou produzir alguns artigos para aprimorar o seu currículo e dar um ar acadêmico a ele.

Tenha em mente que todo o investimento que você fizer durante a preparação para conseguir a bolsa será recompensado depois. Afinal, terá a oportunidade de fazer um intercâmbio pago pelo governo neozelandês. E isso dará a possibilidade de você se dedicar totalmente a essa experiência. O que significa aprimorar seu conhecimento do idioma, dedicar-se completamente à sua formação e estar imerso em uma nova cultura.

Viu só como conseguir uma bolsa de estudos na Nova Zelândia pode ser uma excelente forma de fazer um intercâmbio e mudar completamente de vida? Que tal começar agora mesmo a preparar sua aplicação para a bolsa? Ficou com alguma dúvida sobre o que fazer? Tem algum comentário? Conte para a gente logo abaixo, assim poderemos ajudar você!

Mail