Qual é a diferença entre ter um emprego e ter uma carreira? Descubra aqui!

qual a diferença entre ter um emprego e ter uma carreira

É inegável que, hoje, muitos jovens estão priorizando trabalhar com o que realmente gostam, certo? No entanto, ter um emprego e ter uma carreira, que pode ser, até mesmo, internacional, são coisas completamente diferentes!

Isso fica claro ao pensar que emprego é algo temporário, mais imediato, geralmente de curta ou média duração. Enquanto uma carreira é para sempre e dura a vida toda!

Por isso, é importante você saber exatamente qual profissão deseja e, principalmente, de que forma pretende alcançar seus objetivos, já que tudo é uma questão de investimento pessoal e bagagem de experiências para construir, pouco a pouco, uma carreira de sucesso. Ser procurado pelo mercado é outro ponto que conta a favor.

Pensando nesse importante momento da sua vida, separamos algumas dicas essenciais que ajudarão você a moldar uma ótima carreira baseada em resultados incríveis. Continue lendo e confira!

Qual é a diferença entre emprego e carreira?

Esse é o primeiro questionamento que você deve fazer. Tudo porque a resposta é o que vai ajudá-lo, de fato, a entender como construir oportunidades tanto em ter um bom emprego quanto para abrir as portas para a sua carreira.

Então, veja só: um emprego é, na verdade, uma atividade que vai gerar recursos suficientes para você pagar as contas que vencem no final do mês, como as obrigações com a energia elétrica, telefone, internet, entre outros.

Já a carreira vai ser construída com várias decisões tomadas ao longo da sua vida profissional, justamente para que aquelas contas do final do mês não incomodem mais você, além de ser a grande chance de se sentir realizado com o seu trabalho. Ou seja, o emprego é algo presente, e a sua carreira será a preparação de todo o seu futuro profissional.

Como construir uma carreira de sucesso?

Faça cursos

Começar uma carreira é sinônimo de que você já tem, no mínimo, um certo domínio sobre aquele assunto. Então, a forma de conseguir isso é com a ajuda de cursos e do seu próprio aperfeiçoamento. Vale dizer também que, ao estudar sobre a área em que pretende atuar, você também poderá criar grandes conexões com professores e futuros profissionais.

Além de tudo isso, manter-se atualizado e em constante aprendizado é a certeza de jamais deixar de entender sobre as novidades do mercado. Sem contar que ter uma boa lista de cursos no seu currículo chama bastante a atenção dos recrutadores e empresas que dão valor a profissionais estudiosos, curiosos e dinâmicos.

Não se esqueça também de que cursos de línguas, como inglês, espanhol, francês, entre outros, são extremamente importantes para construir uma carreira com amplas possibilidades de emprego e, até mesmo, de intercâmbio profissional. É válido reforçar que muitas empresas procuram por colaboradores que sejam bilíngues. Fique atento a isso!

Especialize-se em outros nichos

Sim! Já pensou em se tornar um profissional repleto de habilidades e capaz de se adequar a diferentes realidades? Pois é, essa é a ideia de se especializar em vários nichos dentro da sua própria profissão. Por exemplo: se a sua formação é o jornalismo, aprender mais sobre turismo, contato com público e escrita para web já vai dar a você muitas possibilidades!

E o mais interessante disso é que, se um dia acontecer aquela sensação de “cansaço” ou “monotonia” dentro da carreira, é só mudar um pouco para outra área específica e ter a oportunidade de ganhar ainda mais experiência. Nada impede você de ter um currículo enorme e cheio de atividades diferentes, mas que conversem entre si.

Uma dica valiosa para ver isso acontecendo na prática é contar com a ajuda de um intercâmbio. Dá para você fazer cursos livres de curta duração em outros países, que vão proporcionar uma vivência real de como o mercado de trabalho funciona naquela região. Ah, isso ainda fica melhor se aliado a um estágio ou trabalho no exterior!

Faça planos

Sabia que tem muita gente que jamais fez nenhum plano para seu próprio futuro? Jovens e adultos que simplesmente deixam a vida seguir e vão acompanhando como meros espectadores tudo o que lhes é oferecido. Não seja mais um com esse perfil! Molde a sua carreira de acordo com o que mais almeja e se vê realmente fazendo daqui a alguns anos.

Nada melhor do que fazer planos, traçar metas e definir como você quer chegar até lá. Lembre-se de que um emprego ajuda na questão monetária e, até mesmo, de formação, mas o que vale realmente é a sua carreira. Portanto, reflita o que imagina fazer em 5, 10 e 15 anos, e tudo ficará muito mais tranquilo depois de ter isso em mente.

Daí, é só uma questão de correr atrás das melhores formas para ser um profissional de sucesso, afinal, ter um emprego e ter uma carreira são ações que devem andar lado a lado sempre, para que o resultado seja satisfatório e não apenas perda de tempo. Mas atenção: seja sempre flexível quanto aos planos, pois novos caminhos podem ser traçados sempre!

Aposte em um intercâmbio

Como já falamos aqui neste post, um intercâmbio é um dos passos mais importantes para quem quer ter uma carreira digna de um profissional renomado e de sucesso. Aliás, é bom reforçar que viajar para outro país para estudar é uma decisão que, por si só, já garante a você uma boa bagagem emocional e, ao mesmo tempo, com grande personalidade.

Mas não adianta fazer um intercâmbio se você não se aplica com vontade e dedicação às aulas e à interação com outros intercambistas. Um dos grandes segredos de quem faz esse tipo de investimento é justamente se “desligar” do Brasil, mergulhar a fundo na cultura local e trocar o máximo de experiências com os outros alunos.

Já pensou se, depois de criar laços e amizades, você vai morar em um outro lugar para trabalhar na sua área? Assim como você, existem outras pessoas com o mesmo intuito e que apostam nesse tipo de viagem para melhorar um segundo idioma, além de aumentar também o círculo de amizades e network, que se mostrará mais do que importante no futuro!

Planejar uma carreira é algo que demanda muita dedicação, mas que será compensado nos anos seguintes da sua decisão. Ser indeciso ou deixar as oportunidades passarem nunca é uma boa opção e pode prejudicá-lo na profissão. Contar com a ajuda de ferramentas que auxiliem o seu crescimento intelectual é, sem dúvidas, um requisito básico!

Ter um emprego e ter uma carreira são duas ações diferentes, mas que, ao mesmo tempo, precisam uma da outra para acontecerem. Não se esqueça de que, quanto mais experiências tiver, melhor para a sua trajetória. Mas tudo deve ser consistente e com aprendizado real, cheio de valores, trazendo a você o melhor da profissão! Aposte no que há de mais interessante e saia na frente de outros profissionais que fazem mais do mesmo!

Se você já sabe ou tem alguma ideia de qual carreira quer seguir, aposte em cursos de idiomas, técnicos ou até mesmo em cursos universitários, como graduaçõespós-graduações no exterior. Eles te darão suporte para sua futura carreira e ajudarão a conseguir aquela vaga de emprego tão desejada. Fazer um intercâmbio em países como Austrália e Nova Zelândia, além de melhorar sua fluência no inglês, você contará com instituições de ensino com padrão de qualidade internacional, modernas e voltadas para inovação e ainda terá possibilidade de atuar no mercado de trabalho desses países.

Gostou do conteúdo? Continue a leitura e veja, neste texto, como uma agência de intercâmbio pode ajudar você a conseguir um emprego no exterior! Vamos lá!

Mail