Intercâmbio: porque escolher a Austrália

Intercâmbio: porque escolher a Austrália

A Austrália é um dos principais destinos para quem pretende viajar e aprender inglês. Isso porque o país é referência em educação e cultura, além de o turismo ser uma das atividades mais constantes no país. São diversos os cursos que você pode encontrar na Austrália, além da ampla variedade de atividades e atrações culturais nas mais diversas cidades do país.

O país é localizado na Oceania e teve sua colonização iniciada por volta do século XVIII. Era habitada por cerca de 250 nações aborígenes antes da imigração europeia e do início da exploração. A colonização foi majoritariamente feita por holandeses e britânicos e só a partir do século XIX é que os território australianos passaram a ser “autogovernados”.

Por volta do ano de 1901, seis colônias australianas se tornaram independentes e se reuniram para a formação de uma federação, a Comunidade Australiana, um sistema político democrático e liberal de monarquia parlamentarista. A Austrália tem como chefe de Estado o mesmo monarca que rege o Reino Unido e os países da chamada Commonwealth (que reúne países como Austrália, Canadá, Jamaica, Nova Zelândia, entre outros).

Além da rica história, a Austrália é um dos países com o IDH (Índice de Desenvolvimnto Human) mais elevado, com altas expectativas de vida, grande investimento em saúde e educação, e invejável liberdade econômica. Sua capital é Camberra, sendo Sydney a sua cidade mais populosa, com quase 5 milhões de habitantes.

Mas e o intercâmbio? Bem, dito tudo isso sobre a história e as características do país, vamos falar dos principais pontos que levam os interessados em intercâmbio a escolherem a Austrália para viver essa experiência. Segundo os últimos levantamentos feitos, em 2011 o número de intercambistas no país girava em torno de meio milhão de pessoas, de mais de 180 nações distintas.

Em primeiro lugar, o inglês australiano é, muitas vezes considerado o ideal. Ele não é tão “seco” e objetivo quanto o britânico, mas evita as enrolações de língua excessiva dos americanos – por isso, muitos estudantes escolhem alguma cidade australiana para ter mais contato com o idioma. É o único país de língua inglesa que está localizado em uma região de clima mais ameno, diferente dos rigorosos invernos que atingem o hemisfério norte do planeta.

As opções de cursos também são excelentes na Austrália. Desde cursos específicos para a língua inglesa até programas de graduação e pós-graduação, ou projetos de especialização e profissionalização podem ser encontrados no país. A dica é procurar bastante e ser bem objetivo durante a busca, são diversas opções para se adequarem às suas necessidades.

A possibilidade de trabalho é outra vantagem de fazer o intercâmbio na Austrália. O país não é muito barato então a probabilidade de você precisar de um emprego para ajudar a pagar as despesas é grande. A vantagem é o número de ofertas fornecidas a estrangeiros e o fato de que você receberá em dólar e, com o fortalecimento da moeda, perrengues serão quase impossíveis.

A Comunidade Australiana também é conhecida pela facilidade em conceder vistos, principalmente os de turismo. Nos últimos tempos, o país tem tentado modificar a imagem de que suas atrações são apenas as paisagens naturais e os animais típicos para focar na qualidade acadêmica e profissional dos residentes no país. Os cursos de ensino superior e técnico estão com facilitação de entrada e alguns programas já estão sendo negociados com o governo brasileiro.

Além de tudo isso, temos, é claro as paisagens naturais, os pontos turísticos e os animais exóticos exclusivos da Austrália. As praias australianas, os cinemas, os teatros e os zoológicos, além dos parques safari, são pontos essenciais pra quem pretende fazer um intercâmbio não apenas acadêmico, mas também cultural.

O país é o mais indicado pra quem quer ter uma experiência incrível e completa fora do seu país de origem, experimentando novas culturas, conhecendo novos métodos de trabalho e degustando da mescla perfeita entre beleza, lazer, estudos e cultura.

Mail