Não encontrou seu voo? Peça a ajuda para um consultor.

Entre em contato

Intercâmbio Barato


Para economizar na hora de fazer seu intercâmbio, é preciso avaliar bem as suas necessidades, saber quais são seus objetivos, analisar as opções de programas e instituições de ensino disponíveis, e, claro, fazer um bom planejamento de seu projeto.

Contar com o suporte de uma agência especializada irá ajudar o estudante economizar ao planejar e realizar o seu intercâmbio.

A AC Australian Centre é a mais completa agência de intercâmbio para a Austrália e Nova Zelândia. Com uma equipe de consultores formada por ex-intercambitas e qualificada pelos governos australiano e neozelandês, a AC oferece todo o suporte para o planejamento e organização do plano de estudo de seus clientes, ajudando a encontrar a opção de curso adequada para as suas expectativas e disponibilidades de investimento financeiro e de tempo.

Confira algumas dicas da AC para fazer seu intercâmbio mais barato.

 

Planejando seu intercâmbio barato

Escolha um destino econômico.

Se o objetivo é economizar, procure países que possuam a melhor taxa de câmbio possível, o que irá garantir boas condições de conversão do dinheiro. Países como a Austrália e Nova Zelândia, por exemplo, possuem moedas cuja cotação é mais baixa do que o dólar americano, euro, libra e dólar canadense.

Permissão de trabalho

Procure países que ofereçam permissão de trabalho para intercambistas. Tanto a Austrália quanto a Nova Zelândia permitem que estudantes internacionais trabalhem enquanto realizam seus cursos.

Isso permite que os estudantes custeiem os seus gastos de permanência no país com o dinheiro ganho lá, reduzindo o valor total de seus investimentos e garantindo um intercâmbio barato.

Escolha o curso adequado

Os valores do intercâmbio variam muito de acordo com o tipo e duração do curso, além da instituição de ensino escolhida.

Optar por um curso intensivo e de menor duração pode representar uma grande economia para quem quer focar nos estudos ou tem pouco tempo disponível para ficar fora do país. Já as opções de cursos noturnos ou com carga horária menor podem permitir que o estudante estenda a sua permanência no país, pois costumam ser mais baratos.

Quem já tem um bom nível de inglês pode optar por realizar direto um curso que agregue mais ao currículo, como cursos técnicos ou universitários, sem realizar um curso de inglês antes. Focar em algo que lhe trará um benefício maior e mais rápido também é uma forma de economizar em seu intercâmbio.

Para quem pensa em fazer uma graduação ou pós-graduação, é bom verificar as universidades que oferecem programas de bolsas de estudo para estudantes internacionais. Mesmo não se tratando de bolsas integrais, esses programas possibilitam que os estudantes internacionais economizem bastante em seu projeto de estudo.

 

Acomodação ideal para seu perfil.

Caso a hospedagem não esteja incluída no pacote, uma opção é procurar acomodações compartilhadas com outros moradores e estudantes, o que permite a divisão dos custos com aluguel e com as contas. Acomodações mais afastadas do centro costumam ser mais baratas.

Controle seus gastos

Durante a estada no país, preste atenção também na forma de cortar ou diminuir gastos supérfluos. Fazer as refeições em casa, em vez de se alimentar em bares ou restaurantes, é uma das grandes dicas para quem deseja intercâmbios baratos.

Escolha bem os seus programas no país.

Baladas, festas e viagens frequentes podem fazer um belo estrago no seu planejamento financeiro. Pense no que você quer e vale a pena conhecer. A Austrália e Nova Zelândia oferecem diversas opções de passeios e atividades de lazer grátis ou baratas.

Agende sua visita a uma unidade AC e descubra como realizar o seu intercâmbio barato para Oceania.

Acesse!

Solicite um orçamento

Os atenciosos e qualificados consultores da AC irão te ajudar no que for preciso.